Olá Visitante!

Livros

Solidão e Liberdade

img

O filósofo alemão Martin Heidegger (1889-1976) afirma em Ser e Tempo, que estar só é a condição original de todo ser humano. Que cada um de nós é só no mundo. É como se o nascimento fosse uma espécie de lançamento da pessoa à sua própria sorte. Podemos nos conformar com isso ou não. Mas nos distinguimos uns dos outros pela maneira como lidamos com a solidão e com o sentimento de liberdade ou de abandono que dela decorre, dependendo do modo como interpretamos a origem de nossa existência. A partir daí podemos construir dois estilos de vida diferentes: livre, autêntico e autodeterminado ou dependente, inautêntico e subordinado aos outros. Temas Abordados: O Que é Solidão, A Solidão Interpretada como Abandono e como Liberdade, Como Lidar Melhor com a Solidão, A Angústia e o Abandono, A Liberdade Trazida pela Solidão, Os Riscos de Assumir a Própria Vida, Solidão – Condição do Ser, Autenticidade, É Possível Mergulhar na Solidão do Outro?, A Angústia como Motivadora da Existência, O Risco de se Descobrir Só, Como se Tornar Responsável pela Própria Vida, A Psicoterapia para o Indivíduo Solitário. Sumário: Introdução; Oque é solidão; A solidão interpretada como abandono e como liberdade; Como lidar melhor com a solidão; A angústia e o abandono; A liberdade trazida pela solidão; Os riscos de assumir a própria vida; Solidão - condição do ser; Autenticidade; É possível mergulhar na solidão do outro?; A angústia como motivadora da existência; O risco de se descobrir só; Como se tornar responsável pela própria vida; A psicoterapia para o indivíduo solitário.

Faça sua Inscrição Online