Jornal do Lar Notícias

Famoso produtor de cinema de Hollywood é acusado de assédio sexual

Celebridade 11/10/2017 às 20:14

Um dos mais famosos produtores de Hollywood, Harvey Weinstein, está sendo acusado de assédio sexual por pelo menos 13 mulheres ligadas ao meio artístico.


Mix de fotografías de arquivo que mostram o produtor Weinstein e as atrizes Gwyneth Paltrow (centro) e Angelina JolieEFE/Arquivo

Os fatos teriam acontecido ao longo de um período de cerca de 30 anos.

Entre as mulheres que acusam Weinstein encontram-se atrizes famosas e prestigiadas, como Angelina Jolie, Gwyneth Paltrow  Jessica Chastain e Julianne Moore, que também vieram a público denunciar que passaram por situações de assédio por parte do produtor no começo das suas carreiras.

Por conta das denúncias, a esposa de Harvey Weinstein, Georgina Chapman, que tem dois filhos com o produtor, anunciou hoje (11), que está deixando o marido. Ela disse que as acusações contra o conjugue são imperdoáveis.

O escândalo começou depois da publicação de uma reportagem da revista The New Yorker, cujo colunista Ronan Farrow passou dez meses investigando e entrevistando mulheres que disseram terem sido assediadas ou estupradas pelo produtor.

Na reportagem, a atriz italiana Asia Argento diz que foi forçada a fazer sexo oral com Weinstein. E em uma gravação da polícia, divulgada pelo site da revista, o produtor tenta convencer uma modelo a entrar no quarto dele no hotel. Bastante constrangida, ela diz no audio que não quer, mas ele insiste. A mulher também diz que, no dia anterior, ele teria tocado os seios dela, mesmo sem consentimento.

Até o casal Obama comentou as denúncias. Em um comunicado, o ex-presidente Barack Obama e sua esposa Michelle Obama elogiaram a coragem das mulheres que trouxeram os fatos a público.

Por meio de seu porta-voz, o produtor negou as acusações. Weinstein é um dos maiores nomes do cinema americano, responsável por sucessos como O Paciente Inglês, Pulp Fiction, e Sexo, Mentiras e Videotape. Ele foi demitido da própria produtora, The Weinstein Company, onde tinha o cargo de vice-presidente.

Leandra Felipe - Correspondente da Agência Brasil

Fonte: EBC Agência Brasil

Publicidade

Comente e Comentaram

Cadastre-se agora e receba as últimas notícias.

Digite seu E-mail abaixo.


Notícias Relacionadas