Jornal do Lar Notícias

Militares venezuelanos bloqueiam ponte que Colômbia quer usar para ajuda humanitária

Internacional 07/02/2019 às 09:21

Cresce a expectativa em ambos os lados da fronteira antes do envio de alimentos e medicamentos



Vista aérea da Ponte Internacional de Tienditas, nesta quarta-feira.  AFP

Enquanto em Caracas o presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó, mantém a pressão para forçar a entrada de ajuda humanitária na Venezuela, uma moderna ponte ainda não inaugurada na fronteira com a Colômbia se tornou o mais recente foco de atenção para avaliar esse desafio aberto a Nicolás Maduro. As autoridades colombianas estabeleceram ali um posto para a recepção e o armazenamento das 60 toneladas de medicamentos e alimentos que são esperadas com crescente expectativa em Cúcuta, a principal cidade da fronteira, enquanto que do lado venezuelano os militares bloquearam a passagem ao atravessar um caminhão tanque e contêineres de carga.
Publicidade

Comente e Comentaram

Cadastre-se agora e receba as últimas notícias.

Digite seu E-mail abaixo.


Notícias Relacionadas